Governo de Goiás busca soluções para a crise do setor turístico do Vale do Araguaia

A secretária de Desenvolvimento Social, Lucia Vânia, o presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, o procurador do Ministério Público André Luís Duarte e representantes do Sebrae participaram, na manhã desta quarta-feira, 8, de uma reunião on-line com os prefeitos de Aragarças, Aruanã, Britânia, Mundo Novo e Nova Crixás, além de representantes dos gestores de Balisa e São Miguel do Araguaia. A videoconferência foi para tratar da crise do setor do turismo na região do vale do Araguaia.

Na reunião foi discutido um conjunto de ações do governo estadual e parceiros para ajudar a suprir demandas de pescadores, barqueiros e agentes de turismo, além da rede hoteleira, com o propósito de apoiar as famílias em situação de vulnerabilidade nos sete municípios impactados com o isolamento ao turismo nesse período de pandemia.

Os prefeitos de Aruanã, Hermano Carvalho, e de Araguapaz, José Elias Fernandes, relataram que enfrentam sérios problemas devido à paralisação da atividade turística e pediram ajuda imediata dos governos estadual e federal. Eles solicitaram, por exemplo, a distribuição de cestas de alimentos para a população carente.

O presidente da Goiás Turismo e a secretária Lúcia Vania destacaram o empenho do governador Ronaldo Caiado no sentido de viabilizar recursos para apoiar as famílias e citaram linhas de crédito da Goiás Fomento para favorecer a retomada das atividades. 

Lúcia Vânia ressaltou a ampliação de recursos para a área social. Ela informou que equipes técnicas da área social vão nos sete municípios para apoiar as prefeituras na otimização do uso de recursos públicos destinados pelos governos estadual e federal para combate à Covid-19, observando as regras da legislação.